Blog

Conheça os princípios básicos da suplementação de bovinos no inverno

0000-00-00




A produção de bovinos, seja de leite ou corte, tem sua base produtiva nos nutrientes oriundos das forragens. As concentrações desses nutrientes variam grandemente de acordo com a época do ano e o estágio vegetativo da planta, acabando por determinar os índices de desempenho dos animais. As características físicas e químicas das plantas forrageiras são em parte responsáveis pelas diferenças quanto aos potenciais de digestibilidade e de consumo de forragem.


CORTE

Suplementação para o gado de corte no inverno 

O inverno traz consigo importantes mudanças nos sistemas produtivos de bovinos de corte. As pastagens naturais apresentam uma baixa qualidade nutricional e a utilização da suplementação nesta época do ano, tem sido um grande aliado dos pecuaristas, seja ela para a intensificação dos sistemas, ou apenas para a manutenção do escore e peso corporal dos animais, direcionando, a suplementação correta ao tipo de pastagem em que o animal se encontra.


Modalidades de suplementação

Nos casos em que a propriedade possui pastagens naturais e/ou de baixa qualidade nutricional, normalmente é indicada a utilização de uma suplementação proteica ou proteica/energética.  A suplementação proteica atua fornecendo altos teores de proteínas aos animais, equilibrando a flora ruminal e aumentando a digestibilidade da fibra desses pastos que é de baixo valor nutricional, para obter uma manutenção do ganho de peso.

Para os animais em processo de perda de peso e com baixo escore corporal, a suplementação proteica energética é a mais indicada, esse tipo de suplementação fornece um acréscimo de proteína e energia, que possibilitam que os animais melhorarem seu desempenho produtivo.

Quando falamos destes tipos de suplementos, um ponto muito importante deve ser observado: a oferta constante de massa de forragem tem que se adequar ao tipo de categoria animal. 

Em outro cenário, quando a propriedade possui pastagens preparadas para o inverno ou de alto valor nutricional, indica-se a utilização de suplementação energética, que proporciona um equilíbrio entre proteína e energia da dieta, assim aumentando o ganho de peso dos animais, melhorando a capacidade de suporte da área, e fazendo com que os animais permaneçam menos tempo dentro do sistema produtivo.


LEITE

No leite, a meta é seguir enchendo o balde.

Com a chegada do inverno o volume de chuvas diminui drasticamente e o produtor de leite precisa se adequar para fornecer a alimentação necessária ao seu gado para continuar produzindo. Nesse período as pastagens secam e se tornam insuficientes para suprir as necessidades nutricionais dos animais, principalmente proteicas. Por isso em época de seca é preciso buscar alternativas de alimentação para que a sua produção não sofra uma queda no volume de leite diário.

Para as propriedades que confinam os animais, nos mais variados sistemas, Compost Barn, Free Stall, túnel de vento, dentre outros, o inverno é uma época de desafiar os animais, pois são mais responsivos em produção e reprodução devido as melhores condições climáticas, a menor umidade é extremamente importante principalmente para as fazendas que conseguem resfriar seus animais de forma eficiente.  


Nutrição de precisão

A nutrição precisão para cada sistema, categoria, peso e produção de animais são fatores importantes para que as metas sejam atingidas. E a associação com os outros pilares de produção leiteira se torna uma fazenda eficiente e lucrativa.

O objetivo de todo produtor de leite é uma propriedade que dê lucros, sendo assim, um rebanho saudável, bem nutrido e com equipe eficiente e bem treinada é o que teríamos de ferramentas para se tornar uma fazenda modelo.

A Campo Nutrição Animal está ao lado do produtor em todas as estações, no inverno não é diferente, traçamos metas e definimos objetivos para maximizar os resultados de cada sistema de propriedade. Associamos treinamentos de equipes com nutrição precisa, para que se tenha um frequente contínuo de qualidade em uma fazenda de leite.


Receba Novidades por E-mail:

Fique Conectado