Blog

Nutrição Adequada: Mais Saúde, Mais Produção

2019-07-25




O Brasil possui uma vocação natural para a pecuária, prova disso é o destaque internacional que nosso país tem neste setor, principalmente no que diz respeito as exportações. Isto se deve, em boa parte, à nossa grande extensão territorial e ao nosso clima, que favorecem a atividade.

Outro ponto importante é a facilidade em alimentar nossos animais, sem deixar de atender as necessidades nutricionais dos rebanhos. Mais do que nunca, a obtenção de lucro na pecuária, está diretamente relacionada à nutrição aplicada. Exatamente por isso, o planejamento nutricional torna-se imprescindível, pois evita prejuízos e potencializa os índices produtivos do seu negócio.

                                                                                     

PLANEJAMENTO NUTRICIONAL EFICAZ

Conhecer as exigências de cada categoria animal e o potencial de cada alimento, são os primeiros passos para a eficácia do planejamento nutricional de seu rebanho.

Quando tiramos leite ou engordamos bovinos para o abate, visamos sempre o lucro. Porém, para que este lucro seja de fato obtido, é necessário equilibrar 3 fatores importantíssimos: genética, manejo e alimentação.

A genética é a responsável pelo potencial natural do animal. O manejo, aliado à higiene, garante as condições básicas para a criação e produção animal, além de prevenir problemas de saúde.

Por outro lado, mesmo com um bom potencial genético e um manejo bem feito, a alimentação precisa suprir todas as necessidades nutricionais dos animais, visando sempre a otimização da produção.

 

MAIS QUE ALIMENTAR, NUTRIR

Com a exigência cada vez maior do mercado, seja do leite ou da carne, o simples fato de alimentar o rebanho não é mais suficiente. Para atingir os altos níveis e índices produtivos que norteiam a pecuária atual, é preciso “algo mais”.

A pesquisa e a tecnologia se tornaram indispensáveis para conhecer e atender as necessidades de cada grupo animal.  Cada substância tem seu teor de nutrientes e cada nutriente tem a sua função.

Por isso, cabe aos profissionais da nutrição conhecerem profundamente as características e necessidades de cada espécie e categoria animal, formulando a nutrição mais completa que atenda às suas exigências nutritivas.



Receba Novidades por E-mail:

Fique Conectado