Blog

Como diminuir o impacto do estresse sobre o rebanho

2018-08-02




Com o avançar dos tempos os sistemas de produção animal têm buscado intensificar e maximizar os desempenhos e reduzir o tempo utilizado para tais fins. Para isso, é de fundamental importância que exista um equilíbrio ambiente-animal para que seja possível alcançar uma produtividade eficiente e sustentável. Entretanto, em várias etapas da vida do animal, existem fatores que tendem a causar um desarranjo neste equilíbrio ambiente-animal, fazendo com que, em variados graus de intensidades, os animais sejam expostos ao estresse.

Os fatores causadores do estresse, conhecidos por estressores, podem ser divididos em: físicos (vacinação, marcação, alta densidade populacional, etc.), químicos (jejum prolongado, mudança de dietas) e psicológicos (desmama, formação de novos lotes, manejo de curral, etc.). Os reflexos negativos do estresse podem ser expressados em várias frentes, como por exemplo:

1) Diminuição da ingestão de matéria seca;

2) Diminuição do desenvolvimento corporal e ganho de peso;

3) Baixa fertilidade;

4) Comprometimento do sistema imunológico, acarretando maior exposição à doenças;

5) Perdas econômicas.



Em um sistema de produção em que os diferenciais de ganho são na ordem de gramas, devemos buscar alternativas que diminuam os efeitos negativos desencadeados pelo fator estresse. Pois, estes são na grandeza de quilos (Kgs).

Buscando minimizar os efeitos adversos do estresse e melhora do sistema imunológico, a Campo desenvolveu o “IMPACTO”. Um pacote tecnológico com conceito de saúde e bem estar animal, é composto por:

A) minerais com maior e melhor absorção intestinal;

B) moléculas essenciais em diversas rotas metabólicas;

C) molécula que atua no desenvolvimento das papilas ruminais, melhorando saúde e absorção ruminal.


O IMPACTO tem por objetivo contribuir para que o organismo animal consiga contrapor-se a quaisquer tipos de estressores, aumentando a resposta imunológica, minimizando os efeitos deletérios de enfermidades clínicas e subclínicas, fornecendo-lhe resistência e eficiência na resposta aos eventos fisiológicos que são desencadeados em resposta ao estresse. Ainda assim, é indispensável a aplicação de boas práticas de manejo no dia-a-dia da fazenda.

A Campo contribuindo para evolução constante da pecuária eficiente. Não fique de fora desta tecnologia e solicite à equipe Campo a inclusão desta ferramenta no plano nutricional de sua fazenda.

Receba Novidades por E-mail:

Fique Conectado